Rachel Sheherazade é demitida do SBT por e-mail e proibida de dar último adeus

Rachel Sheherazade (Foto: Divulgação)
Rachel Sheherazade (Foto: Divulgação)

Rachel Sheherazade abriu o coração sobre demissão polêmica

A jornalista Rachel Sheherazade está oficialmente fora do SBT após demissão bombástica. Saindo pela porta dos fundos da emissora, a ex âncora do SBT Brasil foi até proibida de se despedir enquanto estivesse no ar e recebeu o aviso de que não precisa mais retornar para a emissora.

Anúncio

Rachel Sheherazade revelou que não teve como se despedir dos seus telespectadores e da bancada do telejornal que apresentou por dez anos e resolveu fazer um vídeo em seu canal no Youtube para se despedir do seu público que a acompanhou por anos.

Veja também – Luciano Huck entrega Angélica, Xuxa e Eliana juntas e repercute na internet

“Em nome dos dez anos em que estive à frente do SBT Brasil e sendo a jornalista que mais tempo representou esse noticiário, achei de bom tom não sair ‘à francesa’. Em respeito a vocês, venho, no horário do jornal, dizer adeus a vocês. Não um adeus, mas um ‘até breve'”, disse ela no início do vídeo.

Anúncio

Veja também – Gugu: Rose prova que era mulher do apresentador no Fantástico e deixa todos de queixo caído

“As opiniões de que vocês sempre falam levaram o meu nome e o nome do SBT Brasil ao noticiário. Não pensava que jornalista poderia ser notícia, mas fomos matéria inúmeras vezes nos jornais e portais de notícia de todo o Brasil. (…) Acredito no jornalismo que faz parar e pensar”, continuou Rachel Sheherazade.

Veja também – Sikera Junior será processado por homofobia e transfobia e pode parar na cadeia; saiba mais

Leia mais sobre essa matéria

A jornalista estava no ar no SBT Brasil, mas teve a sua cabeça colocada em jogo pelo dono da Havan, apoiador de Jair Bolsonaro (Sem Partido). O empresário encurralou Silvio Santos e foi um dos responsáveis pela demissão da jornalista.

Rachel Sheherazade
Rachel Sheherazade (Foto: Divulgação)

Além disso, a atuação de Rachel Sheherazade já não estava mais agradando o próprio presidente. Silvio Santos também já havia demonstrado incômodo com as opiniões da apresentadora do SBT ao vivo e por diversas vezes chamou a sua atenção.

Veja também – Acidente grave? Tiago Leifert abre o jogo e esclarece o que aconteceu: ”Ainda não morri”

O contrato entre a emissora e a jornalista está previsto para se encerrar de fato no próximo dia 31 de outubro, mas o canal informou através de um e-mail que ela não precisa voltar mais. Confira o vídeo:

Anúncio

Compartilhar notícia: