Mateus Carrieri, acusado de se aproveitar de fãs, é obrigado a revelar sexualidade e surpreende: “Quis mostrar”

Mateus Carrieri defende a causa LGBTQIA+ e fala sobre tolerância (Foto: Reprodução)
Mateus Carrieri defende a causa LGBTQIA+ e fala sobre tolerância (Foto: Reprodução)

Mateus Carrieri conta sobre a bissexualidade de suas filhas e ressalta a tolerância

Mateus Carrieri defendeu a comunidade LGBTQIA+ em vídeo postado e ressaltou a importância de haver tolerância.

Veja também: Em áudio, Luiza Ambiel entrega detalhes picantes de romance entre Mirella e Stéfani, ex-MTV perde a paciência e quebra silêncio: “Sem noção” 

O ator, que possui 53 anos, publicou o vídeo respondendo às críticas que lhe deram após exibir uma meia com as cores do arco-íris, que é um dos símbolos da causa. O ex-peão de A Fazenda da Record disse que não estava usando os acessórios para ganhar fãs e seguidores e revelou que suas filhas de 14 e 13 anos são bissexuais.

Veja também: Ludmilla detona Anitta, expõe bastidores de briga e detalhes chocam: “Manipuladora, quero distância”

“Vou contar uma coisa pra vocês, autorizado por elas, pelas minhas filhas: eu tenho duas filhas, uma de quase 15 e outra de quase 14. Vocês viram como eu falei delas lá na ‘Fazenda’, né? Como eu senti falta delas. E porque eu senti falta delas? Por que eu tenho o maior orgulho dessas duas meninas. A Chiara e a Francesca. Ficaram famosas, né? E ainda tem o Caíque, que tem 36 anos”, iniciou Mateus Carrieri em vídeo postado no Instagram.

“E a Chiara e Francesca são bissexuais, e aí? Qual o problema, hein? Tenho o maior orgulho delas. O que importa é o caráter delas. É que elas são meninas fantásticas, que não têm preconceitos e que lutam contra a homofobia, lutam contra o machismo, e elas estão me ensinando a não ser machista, a não ter comportamentos, às vezes até sem querer, homofóbicos”, se defendeu enquanto desabafava.

Mateus Carrieri, ex-participante de A Fazenda 12 (Foto: Reprodução)
Mateus Carrieri, ex-participante de A Fazenda 12 (Foto: Reprodução)

Ainda sobre a matéria

Mateus Carrieri, que ficou conhecido em seu papel de Chiquititas no final da década de 90, contou ainda que os acessórios continuarão fazendo parte de sua rotina em apoio a causa, e criticou os “haters” em suas publicações sobre os assuntos, e disse que não precisa desse tipo de seguidores.

“Esse post nada mais é do que dizer pra elas, para as minhas filhas, que está tudo bem, que eu tenho o maior orgulho delas. E que eu as amo porque elas são fantásticas. Se eu perder seguidores por que esses seguidores são preconceituosos, acho que é até uma vantagem pra mim, não preciso desses seguidores. Haters que se fala, né? Então, não preciso desses haters”, contou o ator.

“De maneira nenhuma eu quis forçar uma simpatia ou quis levantar uma bandeira pra ganhar seguidores, eu quis mostrar para a minha família que está tudo bem elas serem bissexuais. Não tem o menor problema. Espero que outros filhos e pais tenham esse mesmo entendimento, porque o que importa é o amor, o caráter, as boas atitudes”, concluiu Mateus Carrieri, dando destaque ainda na tolerância em vida familiar.

Confira a publicação:

Parece que você bloqueou as notificações!

Siga o Gerou Buzz no Google Notícias e receba informações bombásticas das novelas, TV, e famosos em primeira mão - Clique Aqui!

site statistics