Gusttavo Lima e Andressa Suita destroem provas após esquema milionário, e crime escandaloso pode vir à tona

Gusttavo Lima e Andressa Suita (Foto: Reprodução)
Gusttavo Lima e Andressa (Foto: Reprodução)

Gusttavo Lima e Andressa Suita tem batalha judicial

Gusttavo Lima e Andressa Suita resolveram, cada um do seu lado, destruir provas que podem acabar com o plano dos dois.

Continua após o anúncio

Os smartphones do artista e da modelo foram confiscados. Os advogados das duas partes estariam em uma missão para garantir que qualquer suspeita de traição possa ser destruída. O motivo é que, caso haja comprovação do adultério, o acordo é anulado, como informa Leo Dias.

A maquinação de Gusttavo Lima e Andressa Suita faria parte de uma verdadeira batalha na justiça a fim de que todo o passado digital dos dois famosos fosse destruído. Isso porque, tendo comprovação de adultério, há a possibilidade do acordo pré-nupcial perder a sua validade. A situação vai ao encontro da batalha judicial que diz sobre a divisão dos bens construídos em conjunto pelos dois durante os anos de casório.

Veja Também: Quando Me Apaixono: Josefina é presa e humilhada após tentar matar Regina e Gonçalo: “Agora vai pagar”

Anúncio

O jornalista disse que fontes ligadas ao Gusttavo Lima e Andressa e suas respectivas equipes jurídicas que o “rapa” inclui a mudança nos números de celular, destruição de imagens e vídeos, fora de diversas alterações em suas redes. O menor detalhe que possa trazer suspeitas de adultério durante o casório está sendo jogado fora.

Gusttavo terá que pagar pensão para a ex-esposa e os filhos, ordenou a Justiça (Foto: Reprodução)
Gusttavo terá que pagar pensão para a ex-esposa e os filhos, ordenou a Justiça (Foto: Reprodução)

Veja Também: Virgínia Fonseca, em polêmica de gravidez com filho de Leonardo, confessa verdade em relato emocionante

Mais sobre a matéria

Segundo o advogado Felipe Ferreira dos Santos, procurado por Leo Dias, a atitude de Gusttavo Lima e da ex poderá ser enquadrada no artigo 305 do Código Penal, que põe punição para quem “destruir, suprimir ou ocultar, em benefício próprio ou de outrem, ou em prejuízo alheio, documento público ou particular verdadeiro, de que não podia dispor”, e a pena pode chegar a cinco anos de cadeia.

Anúncio

O doutor também disse que a cláusula pré-nupcial constante no acordo de Andressa Suita e Gusttavo Lima, além de ser muito comum, é válida. Para poder ser provado qualquer tipo de traição, servirão como evidências imagens, vídeos e inclusive conversas em aplicativos.

Deixe sua opinião

Send this to a friend