Siga a gente no Google News

DatenaEntretenimentoFamosos

Datena quebra silêncio após ser condenado na Justiça e se revolta com decisão

Datena no Brasil Urgente Band

Datena no Brasil Urgente da Band (Foto: Reprodução)

Datena é processado por policial militar e terá que pagar indenização

O apresentador do Brasil Urgente na Bandeirantes, José Luiz Datena, se revoltou na atração ao vivo, por conta de processo que recebeu. Sendo assim, na tarde desta quarta-feira, 21 de julho, o comunicador veterano se pronunciou sobre ação na qual acabou sendo condenado na justiça.

Dessa forma, durante o Brasil Urgente desta quarta, Datena confirmou a informação do jornalista Rogério Gentile do UOL, sobre o processo na justiça. De acordo com o processo, o comunicador da Band terá que indenizar um policial militar de São Paulo, por danos morais.

Em agosto de 2020, Datena durante o Brasil Urgente ao vivo, chamou o policial militar de desequilibrado e o acusou de agredir seu cinegrafista. No entanto, o policial pediu na justiça uma indenização de R$ 40 mil, mas, a justiça diminuiu para apenas R$ 5 mil. Em nota ao vivo na TV, o apresentador explicou o ocorrido.

Eu queria deixar uma coisa bem claro: Que decisão judicial cumpra-se. Ainda tenho direito ao recurso. Eu acabei sendo condenado porque, quando a gente acabou de cobrir um acidente, veio um cidadão e empurrou o nosso cinegrafista ostensivamente com argumento de que ele não podia ficar naquele local, que era perigoso. Ele não estava ameaçando ninguém ali, ele estava realizando o trabalho, assim como o homem do corpo de bombeiros estava realizando o trabalho dele“, começou.

Datena na Band

Datena na Band (Foto: Reprodução)

Ainda sobre a matéria

Agora há formas e formas de você pedir pra alguém sair de determinado local, não é empurrando nem agredindo que você se faz autoridade. Se tem alguém que defende a polícia aqui sou eu, mas quando o cara vem e empurra um cidadão, que por um acaso está no meu programa, por acaso é meu companheiro de profissão e seria como qualquer outro de qualquer emissora, eu me revolto“, diz Datena.

Ele foi empurrado pelo cara. Ele teve sua liberdade de expressão cerceada, mas, ao mesmo tempo, ele foi empurrado pelo cidadão. (…) Acabei sendo condenado por defender um colega meu e assim o farei até a morte e aviso as autoridades que. Como cabe recurso, esse recurso será impetrado na justiça porque eu acabei não sendo condenado a indenizar a polícia militar por ofensa coisa nenhuma. Ainda disse que o cara não teve equilíbrio necessário para usar uma farda da polícia militar, eu continuo achando isso e é por isso que nós vamos recorrer“, avisou.

“Eu acho que o nosso companheiro acabou agredido não foi feita perícia para analisar isso. Ninguém pode exigir, através de violência, que se cumpra uma ordem. É só pedir pra sair do lugar e pronto! Acabou! Simples assim, mais nada! Não permito que qualquer companheiro meu, ou de outra qualquer emissora de televisão, seja agredido”, finalizou ao vivo.

Parece que você bloqueou as notificações!
Sobre o autor

Olá, me chamo Fernando Melo, sou um apaixonado pela televisão e suas principais notícias. E hoje sou um dos redatores do Gerou Buzz, levando o melhor conteúdo para você leitor. Email para contato: [email protected] ou @fernandomelo_s no Instagram.
Veja também
DatenaEntretenimento

Datena explode com Bolsonaro e detona proposta: "Parem de discutir isso"

EntretenimentoFamososFaustão

Repórter se confunde, comete gafe e fala sobre Faustão ao vivo na Globo

EntretenimentoFamosos

Ana Paula Padrão se descontrola, tem grave crise de choro e desaba em gravação no Masterchef

DatenaEntretenimento

Datena perde a paciência na Band e passa dos limites: "Faz um ano que eu pedi"

site statistics