Antero Greco, jornalista esportivo, morre aos 69 anos

Antero Greco, jornalista esportivo da ESPN, morre nesta quinta-feira (16) em decorrência de um tumor cerebral
Antero Greco
Antero Greco nos deixou nesta quinta-feira (16)/Foto: Reprodução

Antero Greco, jornalista esportivo da ESPN, morre nesta quinta-feira (16) em decorrência de um tumor cerebral

Na madrugada desta quinta-feira, em São Paulo (SP), faleceu o jornalista Antero Greco aos 69 anos. Ele estava internado no hospital Beneficência Portuguesa, tratando um tumor no cérebro, e havia passado por duas cirurgias nos últimos anos.

Continua após o anúncio

O velório acontecerá a partir do meio-dia, e o sepultamento está previsto para as 16h, em um cemitério na região central de São Paulo.

Antero Greco era um dos jornalistas mais respeitados da crônica esportiva no Brasil. Formado pela Universidade de São Paulo (USP), ele trabalhou em vários veículos de comunicação, incluindo Diário Popular, Diário de S. Paulo, Estadão, Folha de S. Paulo, e Grupo Bandeirantes.

Discreto torcedor do Palmeiras, Antero Greco ganhou a simpatia de torcedores de diversos clubes pela forma equilibrada com que comentava os jogos.

Continua após o anúncio

Ele se tornou popular na televisão ao apresentar o programa “Sportscenter” na ESPN Brasil, junto com Paulo Soares, o Amigão. O bom humor da dupla se destacou no noticiário noturno, que teve grande audiência.

Antero Greco foi um dos primeiros contratados da emissora em 1994. Nos últimos anos, devido à progressão de sua doença, ele reduziu suas aparições no canal, limitando-se a participações pontuais em programas da casa.

Antero Greco foi um renomado jornalista esportivo brasileiro, conhecido por sua vasta carreira e contribuição significativa à crônica esportiva no Brasil. Nascido em 28 de julho de 1954, Antero formou-se em Jornalismo pela Universidade de São Paulo (USP) e construiu uma trajetória de destaque em diversos veículos de comunicação.

Antero Greco: Carreira

Antero Greco iniciou sua carreira no jornal Diário Popular, passando por outros grandes jornais como Diário de S. Paulo, Estadão e Folha de S. Paulo. Sua habilidade em analisar e comentar eventos esportivos o levou a conquistar respeito e admiração entre colegas e público.

A popularidade de Antero Greco cresceu significativamente quando ele ingressou na ESPN Brasil em 1994, tornando-se um dos primeiros contratados da emissora. Ele co-apresentou o programa “Sportscenter” ao lado de Paulo Soares, também conhecido como Amigão. A dupla se destacou pelo bom humor e química, tornando o noticiário esportivo noturno um sucesso de audiência.

Antero era conhecido por sua abordagem equilibrada e imparcial, o que lhe rendeu a simpatia de torcedores de diferentes clubes, apesar de ser um palmeirense declarado. Sua capacidade de comentar os jogos de forma justa e ponderada fez com que ele se tornasse uma figura respeitada no meio esportivo.

VEJA TAMBÉM:

Saúde e Últimos Anos

Nos últimos anos, Antero enfrentou desafios de saúde, incluindo um tumor no cérebro que exigiu duas cirurgias. Mesmo com a progressão da doença, ele continuou a contribuir para a ESPN Brasil, participando de programas da emissora de forma esporádica.

Antero Greco deixou um legado significativo no jornalismo esportivo brasileiro. Seu profissionalismo, carisma e paixão pelo esporte influenciaram muitas gerações de jornalistas e fãs de esportes. Ele será lembrado não apenas por suas contribuições profissionais, mas também pelo impacto positivo que teve na forma de fazer jornalismo esportivo no Brasil.

Continua após o anúncio

Antero faleceu na madrugada de 16 de maio de 2024, em São Paulo, aos 69 anos. Sua morte foi sentida por muitos, refletindo a importância e o carinho que o público e colegas tinham por ele.

Deixe sua opinião

Send this to a friend