Luísa Sonza desabafa sobre música feita para Whindersson e entrega detalhes de fim de casamento: “Chorei horrores”

Luísa Sonza dedica música a Whindersson Nunes (Foto: Reprodução)
Luísa Sonza dedica música a Whindersson Nunes (Foto: Reprodução)

Luísa Sonza comenta sobre fim do casamento com Whidersson e música feita para ele

A cantora Luísa Sonza surpreendeu seus seguidores com a estreia de seu mais novo álbum de estúdio, intitulado de “Doce 22”. Isso porque, o mais novo projeto da artista expõe fragilidade e tristezas de sua vida, em “Penhasco” e “Melhor Sozinha”. Mas, é bom lembrar que o novo projeto também fala sobre o lado mais forte e determinador da artista, com faixas mais calientes, ou como “V.I.P”.

Continua após o anúncio

Então, segundo sua entrevista a jornalista Foquinha, Luísa Sonza desabafou sobre os momentos mais conturbados na produção do projeto. Isso porque, após o fim com Whindersson Nunes há mais de um ano, ela resolveu lhe dedicar uma das faixas, expressando assim, tudo que passou e sentiu no período que acabou sendo apedrejada pelos fãs do artista.

“É a que fez todo mundo chorar. Eu chorei horrores. Desde a viagem do México eu chorei. Ficava pensando: se a aeromoça me ver vai achar que eu estou morrendo”, desabafou Luísa Sonza, sobre a faixa ‘Penhasco’. Em seguida, ela explica que chamou as amigas para desabafar seus sentimentos naquele momento.

Luísa Sonza dedica música a Whindersson Nunes (Foto: Reprodução)
Luísa Sonza dedica música a Whindersson Nunes (Foto: Reprodução)

Mais sobre a matéria

“Falei coisas que eu nunca tinha falado para ninguém, vomitei tudo. E aí peguei a letra que já tinha meio pronta e a gente foi encaixando, fazendo a melodia em ‘Penhasco’. Mas chorei muito, a Carol e a Day também choraram muito junto comigo”, explicou Luísa Sonza.

Continua após o anúncio

Lembrando do fim do casamento com Whindersson Nunes, ela ressalta que o momento mais feliz dela, acabou sendo o início de romance com Vitão. No entanto, o relacionamento entre os dois demorou para ser oficializado, com medo de ser atacada por seguidores de Whindersson. “Eu me sentia completa. Não tinha tido todo o caos ainda”, conta.

Sendo assim, ela comenta como produziu o projeto e suas novas canções. “É um jeito um pouco forte de começar um álbum [as palavras puta, vagabunda e interesseira abrem a música]? Concordo, mas é que assim, sempre a primeira impressão que as pessoas têm de mim, tiveram e que eu já escutei muito por aí nesses seis anos de carreira foram essas três palavras.”

Além disso, ela continua destacando. “Eu pensei assim: ‘Cara, é assim que todo mundo me chamou com tanta naturalidade, tranquilidade todos esses anos, então eu vou pegar e me apoderar desses nomes e falar logo na primeira música do álbum”, explica Luísa Sonza.

Continua após o anúncio
Deixe sua opinião